Fuga do Passado (Jacques Tourneur, 1947)

Fuga do Passado é um dos exemplos que levam o fatalismo dos filmes noir às últimas consequências. Há um cuidado de Tourneur em capturar certos detalhes, alguns dois quais não poderia deixar de comentar aqui: num dado momento durante a primeira metade do filme, o detetive interpretado por Robert Mitchum troca socos com um dos capangas de seu antigo chefe num quarto escuro diante de sua namorada, normalmente a mulher ficaria desesperada e gritaria apreensiva. A câmera, entretanto, captura sutilmente uma expressão excitada no semblante da mulher, de quem estaria vibrando por dentro por causa da luta. Muito depois se saberá as reais intenções da mulher, mas naquele dado momento, do modo como vinha transcorrendo a relação entre o casal, aquela expressão inesperada irrompe desconcertante. Outro lance surpreendente é a mulher chamar o Mitchum (logo o Mitchum!) de rato traiçoeiro no final, acredito que nunca num filme um galã chegou a ser insultado de maneira tão indigna como em Fuga do Passado. Aliás, Mitchum tem sua presença e seu talento utilizado de maneira mais contida e ponderada do que seria o usual no restante de sua carreira, resultando em seu personagem aqui numa figura triste e trágica. Já a mulher ferra com a vida de todo mundo, mente pra todos, joga contra e a favor de todos os caras do filme. Antes de terminar, outra cena aparentemente simples, mas inventiva: logo no começo, um carro chega à cidade e estaciona perto de um garoto, que estava de costas. O carro chega fazendo barulho, depois buzina, o sujeito assovia e chama, e o garoto nada, para só depois o recém-chegado descobrir que estava chamando um surdo-mudo. São pequenas coisas como essa, que no papel não tem graça, mas que no filme nos pegam de surpresa e vão se acumulando dentro de uma trama ultra-elaborada, nesse que é o ponto alto dos filmes noir da década de 40.

Anúncios

2 Respostas para “Fuga do Passado (Jacques Tourneur, 1947)

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s